LOADING

Type to search

Granny O’Grimm’s Sleeping Beauty

13 de julho de 2015
Share

600full-granny-ogrimms-sleeping-beauty-screenshot

É de fato, as visões próprias dos contos de fadas, um filão explorado a extensão pelo cinema maistream quanto pelo cinema quanto pelas produções independentes onde cada qual dos seus produtores e idealizadores dão o seu tom narrativo a algum conto de fadas já a tanto estabelecidos no domus popular.

Granny O’Grim’s Sleeping Beauty é um curta que exemplifica o caso. A visão de Nick Phelan sobre uma adorável e velinha com um tendência sádica-religiosa-niilista e uma postura irônica ao mundo, que decide unilateralmente contar sua versão sobre a bela adormecida ao seu, aparente, traumatizado netinho. Com um tom de azedume característicos de algumas pessoas que enxergam na terceira idade um campo árido de pouco jubilo, ela prospecta suas frustrações em uma fada idosa amargurada que, não convidada a festa do nascimento de uma princesa, resolve aparecer e despeja seus má-augurios sobre as fadas mais novas e detentoras das vicissitudes da juventude. Aparentemente o que era para ser um alento a insone noite de seu netinho, tornar-se um convite ao pesadelo.

Para quem já gostou da versão de Alice In Wonderland ( 2010 ) , até mesmo sua versão dark nos games pelo gamedesigner American Mcgee: American Mcgee’s Alice  lançada em 2000 e sua continuação Alice: Madness Return lançada em 2011. Com certeza já ouviu outras inumeras e inusitadas adaptações dos contos em suas versões mais insanas.

Interpretada por Kathleen O’Rourke – a quem também se atribui a criação da personagem, e escrito em parceria com Nick PhelanGranny O’Grimm’s Sleeping Beauty fora produzido pelo estúdio Brown Bag Films , responsável entre outras produções pelas séries animadas já conhecidas pelo público brasileiro assinante de canais pagos: The Ocnauts , Doc McStuffins e Petter Rabbit; Assim como o longa metragem Noddy In Toyland.

O curta ainda foi indicado ao Oscar como melhor curta de animação em 2010. 

 

Site oficial: http://www.grannyogrimm.com/

Tags: